Soluções

Hospitalar

Os desafios da gestão de informação dentro de hospitais e clínicas são cada vez maiores, devido à complexidade das legislações vigentes. Conhecendo bem essas exigências, a Arquivoteca oferece ferramentas estratégicas para que você possa ter controle absoluto das suas informações e dos dados dos seus pacientes. Proporcionamos segurança na gestão das informações e com nossa experiência podemos atuar em todo o ciclo de vida dos prontuários, desde o momento do seu nascimento, incluindo toda a evolução do paciente até o descarte dos documentos, dentro do que preceitua a lei.

Os ganhos serão muito evidentes:

  • Foco mais direcionado do RH em assuntos estratégicos e não operacionais;
  • Controle da geração física e eletrônica dos documentos que compõem um processo ou dossiê do funcionário; sendo ele ativo, desligado, ou no momento da contratação; por meio da validação através de um check list;
  • Identificação de processos com inconsistências, separados por grupo, matriz ou filial;.
  • Controle das repetições que um determinado documento terá e a data correta de seu arquivamento;
  • Identificação de pendências de envio de documentação por localidade, matriz, filial ou departamento;

Gerenciamento de Prontuários

O prontuário do paciente é definido pelo Conselho Federal de Medicina como sendo: O documento único constituído de um conjunto de informações, sinais e imagens registradas, geradas a partir de fatos, acontecimentos e situações sobre a saúde do paciente e a assistência a ele prestada, de caráter legal, sigiloso e científico, que possibilita a comunicação entre membros da equipe multiprofissional e a continuidade da assistência prestada ao indivíduo (Resolução no 1.638/2002) E considerado de elaboração obrigatória pelo Código de Ética (Artigo 69). O prontuário do paciente facilitará a assistência do mesmo de forma multidisciplinar. Mas o que isso significa? Significa que o prontuário do paciente deve conter informações que assegurem a continuidade do atendimento ao paciente desde a sua entrada na instituição da saúde até sua saída. Ele também é de extrema importância para os processos administrativos, seja no aspecto legal ou financeiro.

O uso da tecnologia na gestão dos prontuários médicos tem sido crescente e, cujos os resultados têm levado os gestores da saúde a investir cada vez mais nessas plataformas. A velocidade no atendimento, a segurança nas informações e a humanização no atendimento são apenas alguns dos ganhos percebidos de imediato.

Gestão de Prontuários

Sabemos que com saúde todo ganho de tempo é importante. Vários estudos ao redor do mundo têm demonstrado o impacto positivo sobre a saúde que a implementação de um PEP/RES pode trazer, tanto para os profissionais de saúde, como para os pacientes, gestores e toda a equipe envolvida na Atenção à Saúde.

Com a evolução da tecnologia, especialmente da internet, tornou-se viável o compartilharmento das informações de saúde, e, naturalmente o PEP, antes de uso exclusivo e interno da instituição de saúde, evoluiu para o conceito de um Registro Eletrônico de Saúde (RES). Este possui em seu núcleo conceitual o compartilhamento de informações sobre a saúde de um ou mais indivíduos, inter e multi-instituição, dentro de uma região (município, estado ou país), ou ainda, entre um grupo de hospitais.

A Arquivoteca oferece a seus clientes esse universo de possibilidade e cuida para que a particularidade de cada cliente possa também ser atendida, abaixo segue alguns conceitos dessa ferramenta:

  • Gestão total de todas as informações do paciente;
  • Importação dos dados e imagens geradas pelos laboratórios;
  • Uso do código de barras para controlar os documentos dos pacientes desde a geração até o arquivamento;
  • Controle das recorrências dos documentos no prontuário;
  • Uso simultâneo das informações por mais de um departamento, possibilitando diminuição significativa no tempo de resposta aos usuários;
  • Uso das informações eletrônicas geradas pelos usuários, diminuindo os custos com impressão;
  • Plataforma Web com acesso de qualquer lugar com acesso à internet;
  • Solução paperless, levando a empresa a reduzir significativamente o uso do papel e avançando cada vez mais na gestão digital;
  • Dispensa de necessidade de investimento colocando as informações em nuvem;
  • Uso de certificação digital em todos os documentos gerenciados pela plataforma E-doc Horus;
  • Gestão física e digital dos documentos de forma integrada na mesma plataforma;
  • Controle de acesso específico para cada aplicação, dando segurança absoluta à integridade das informações.